sábado, 12 de julho de 2014

FAMÍLIA | Prada no veterinário


Ontem foi um dia complicado... Há cinco dias para cá, a minha cadela chamada Prada não tem conseguido subir as escadas cá de casa.  Sempre que é para subir para o andar de cima, fica no fundo das escadas a chorar. Já cá está há dois anos e nunca tinha feito nada disto. Achámos estranho mas ao mesmo tempo pensámos que fosse dela ter as unhas demasiado grandes. Decidimos levá-la ontem ao veterinário para lhe cortar as unhas e talvez o problema ficá-se resolvido. Chegadas lá, expliquei ao veterinário o que se andava a passar... Ele disse-me que as unhas dela estavam boas e que não era preciso cortá-las. Fiquei assustada. O que seria então? Após alguns minutos de volta dela, concluiu duas coisas: ou tinha uma pequena inflamação no pescoço (o que é preciso ter cuidado pois pode ficar com uma hérnia segundo ele) e visto que os músculos do pescoço estão interligados com os das patas dianteiras, ela estava com dificuldades em fazer força para subir as escadas porque lhe doía, ou ganhou algum tipo de trauma às escadas por ter talvez caído sem nos apercebermos. Fiquei em pânico com a primeira conclusão dele mas tentei manter a calma. De forma a prevenir a tal dor muscular ele deu-lhe uma pequena injecção (sim ela só pesa 1 quilo e 900 não pode ser uma dose grande) e recomendou tomar meio comprimido hoje e amanhã. Entretanto pediu-me que experimentá-se subir outras escadas com ela sem ser as de casa para tentar perceber se era mesmo as dores que a impediam de subir ou se era as escadas cá de casa que a assustavam. Com medo que fosse a primeira conclusão do veterinário, fui logo passear com ela à rua. Após várias tentativas em várias escadas, cheguei à conclusão que a Prada está mesmo com um trauma e que tem mesmo medo das minhas escadas cá de casa. As restantes escadas da rua ela subiu sem qualquer problema. Muito sinceramente, mal por mal, prefiro isso!

Cátia ♥ 

2 comentários:

  1. Agora é precisa muita paciência para ela perder o trauma de subir as vossas escadas. Mas decerto irão conseguir.

    ResponderEliminar
  2. Oh tadinha :o
    R: Eu também era assim em termos de escrever com silêncio agora não sou capaz mesmo.

    ResponderEliminar

Obrigada pelo teu contributo aqui no meu blogue! :)
Os teus comentários serão sempre que possível respondidos aqui...