sábado, 21 de março de 2015

PERDIDA POR AÍ | Paris (dia 1, parte 4)


Do Panthéon seguimos rumo à Cathédrale de Notre-Dâme. Estava uma fila enorme para entrar mas a espera valeu cada segundo que lá estivemos dentro. É inevitável não pensar no desenho animado da Disney "O Corcunda de Notre-Dâme" quando lá estamos. É uma catedral grandiosa e a famosa rosácea é realmente magnifica de se ver. Infelizmente não subimos às duas torres para ver de mais perto as famosas gárgulas... Ficou combinado entre os dois que ficaria para uma próxima viagem a Paris. Depois da Cathédrale de Notre-Dâme, seguimos até à Conciergerie e ao Palais de Justice. Terminada a pequena visita à Île de la Cité que se situa no meio do rio Seine, fomos até ao Pont des Arts colocar o nosso cadeado para marcar a nossa passagem por Paris e a nossa primeira viagem romântica ao estrangeiro. 

Entretanto a visita continuou mas infelizmente fiquei sem bateria na minha máquina fotográfica, pelo que não tenho mais fotografias deste dia para vos mostrar. De qualquer forma posso vos dizer que ainda passámos em frente ao Musée du Louvre, ao Jardin des Tuilleries, ao Obélisque de la Concorde, ao Grands Palais, ao Pont de l'Alma e ao Musée d'Art Moderne de Paris.







 












Este foi o fim do nosso primeiro dia em Paris. Foram 23 quilómetros sempre a andar! Em breve continuarei a minha visita por terras de Louis XIV portanto fiquem atentos às próximas publicações e ao facebook do blog. Espero que tenham gostado...

Cátia 

sexta-feira, 20 de março de 2015

PERDIDA POR AÍ | Paris (dia 1, parte 3)


Depois de almoçarmos na escadaria em frente ao Musée d'Orsay, decidimos fazer um pequeno desvio do que estava planeado e irmos até à Tour de Montparnasse (O edifício mais alto de Paris! Sim, maior do que a Tour Eiffel!). Pelo caminho, aproveitámos para visitar a Église Saint-Germains-des-Prés, uma das igrejas mais antigas da cidade parisiense construída no ano de 558. Depois de tirarmos algumas fotografias perto da Tour de Montparnasse, decidimos fazer outro desvio até ao Panthéon, passando por um dos jardins mais lindos de Paris: o Jardin du Luxembourg. Nesse jardim é ainda possível encontrar o Sénat e o Odéon Théâtre de l'Europe, dois edifícios lindíssimos e tipicamente parisienses. A caminho do Panthéon passámos também em frente ao Musée National du Moyen-Age e à Mairie du 5eme arrondissement.


PIMPAMPUM | Desastre


Ontem estive a tentar dar uma cara nova ao blog... Tentei mudar o cabeçalho do blog, adicionar ícones para as redes sociais, colocar as categorias em imagens, colocar um ícone diferente para cada mensagem a dizer "ler mais" ou uma coisa do género... enfim uma data de coisas que não consegui fazer! Conclusão?! Sou uma naba nestas coisas e o blog ficou com a mesma cara de sempre... Que frustração!

Cátia 

quinta-feira, 19 de março de 2015

TECNOLOGIA | Aprender Língua Gestual Portuguesa


Aprender Língua Gestual Portuguesa foi sempre algo que ambicionei. Não só pelo facto de ser uma forma de poder comunicar com as pessoas, como também pelo facto de considerar que na minha área (educação) é algo de fundamental. Há coisa de três dias, tive conhecimento de uma iniciativa criada pela Associação de Surdos do Porto e pela Escola Superior de Educação de Coimbra, que visa disponibilizar através de uma plataforma online um ensino à distância de Língua Gestual Portuguesa, com diferentes níveis de aprendizagem. A inscrição na plataforma é gratuita, o que faz com que qualquer pessoa possa se inscrever e aprender. Existem seis módulos básicos na plataforma que são: 1- Introdução à Língua Gestual Portuguesa; 2- Dactilologia; 3- Numerais; 4- Saudações; 5- Apresentação; e 6- Família. Cada módulo possuí várias sessões que no final têm uma breve avaliação. Esta plataforma tem ainda a particularidade de se poder realizar as sessões quando queremos, podendo deixar a nossa aprendizagem em qualquer módulo ou sessão que nos encontremos e retomá-la posteriormente a qualquer momento. As sessões são pequenas e bastante acessíveis, permitindo-nos adquirir algumas noções básicas da Língua Gestual Portuguesa. Achei uma iniciativa bastante interessante e enriquecedora, sendo digna de ser partilhada convosco. Se quiserem aceder à plataforma e inscrever-vos basta carregar aqui.

Cátia 

PERDIDA POR AÍ | Paris (dia 1, parte 2)


Depois de subirmos à Tour Eiffel, percorremos o Champs de Mars até à École Militaire. Com a ajuda do bendito mapa de Paris, fomos até ao Hôtel des Invalides que possui lá dentro o Musée de l'Armée. O Hôtel des Invalides é um edifício grandioso com uma cúpula em talha dourada. Por baixo dessa mesma cúpula encontra-se a sepultura do imperador francês Napoleão Bonaparte (Que vos mostrarei noutro dia!). Continuámos a nossa visita à beira do rio Seine, passando pela Assemblée Nationale e parando para almoçar em frente ao Musée d'Orsay.